COMO AGIR EM CASO DE SEQUESTRO

1) Ao ser abordado deixe sua defesa para seus agentes de segurança, "NÃO REAJA". Um movimento brusco poderá significar seu fim;

2) Durante os deslocamentos procure identificar (estando logicamente de olhos vendados) sons que possam no futuro auxiliar a Polícia a chegar aos criminosos (barulho de fábrica, apito, som de trem, etc.);

3) Jamais descuta com os marginais no cativeiro. Eles empregarão todo tipo de humilhações para demonstrar que têm o domínio da situação e para quebrar sua resistência psicológica. Tente manter a autodisciplina e o controle emocional. Lembre-se que os seqüestradores precisam de você vivo para negociar o resgate;

4) Tente observar todos os detalhes do cativeiro e dos sequestradores. Toda informação será importante para as investigações posteriores;

5) Oriente sua família a procurar imediatamente a Polícia e proceda dessa forma, caso a vítima seja um familiar. Lembre-se: ao sentir facilidade, os marginais pedirão cada vez mais.